Início » Noticia » Urbanização em Ajuruteua é investimento no turismo da costa atlântica

Urbanização em Ajuruteua é investimento no turismo da costa atlântica

O governador Helder Barbalho assinou Ordens de Serviço para a urbanização da orla da Praia de Ajuruteua e pavimentação de sete quilômetros de vias na Vila do Treme, na zona rural.

 
O investimento do Estado na orla de Ajuruteua será de R$ 12 milhões

Na urbanização da orla de Ajuruteua, uma das praias oceânicas do litoral do Pará mais bonitas e visitadas por turistas, o Estado vai investir R$ 12.479.968,87. Para pavimentar vias na comunidade do Treme, localizada a 21 km de Ajuruteua, representa um investimento de R$ 6,5 milhões.

 
“As parcerias de infraestrutura permitem que a cidade seja cada vez melhor, tanto com a infraestrutura no Treme, como na urbanização da orla de Ajuruteua, este ponto turístico extraordinário, que tanto envaidece a todos nós”, ressaltou o governador, ao se pronunciar na festividade da Marujada de São Benedito.
 
“O governador prometeu e cumpriu a orla de Ajuruteua e de Bragança, e da PA-450, além da obra do Museu da Marujada, que ele nos presenteou”, ressaltou o prefeito de Bragança, Raimundo Nonato de Oliveira, que participou com Helder Barbalho da festividade da Marujada.
 
A importância econômica das obras foi destacada pelo secretário de Estado de Turismo, André Dias. “A infraestrutura turística é fundamental. Com uma orla refeita, além do Museu, o turista pode passar mais tempo no destino, injetando mais recursos na economia, tanto na hospedagem, alimentação e transporte, gerando emprego e renda na região”, afirmou o secretário.
 
O motorista de van de turismo Valdete Sousa, que estava em Ajuruteua com um grupo de visitantes oriundos de Paragominas (município do Sudeste do Pará), disse que “não vinha aqui há oito anos, e fiquei surpreso com as mudanças. Agora com a urbanização vai ficar melhor, vou recomendar a outras pessoas para visitarem. O turismo só tem a melhorar, cada dia mais. É uma opção de lazer com a família”.
 
A agenda do governador incluiu ainda a entrega a 120 pescadores da região de motores de popa com rabetas.
 

Por Dayane Baía (SECOM)